O tempo do coração…

“E para tudo a um tempo certo debaixo dos céus…” Eclesiastes 3

É bíblico e  há muito sabemos desta verdade…o tempo, implacável muitas vezes…esplêndido em outros…

Pensamos muitas vezes que precisamos ter tudo, ter dinheiro, casa,  carro, estarmos estabilizados na vida para que depois as coisas possam acontecer para nós… vivemos tentando controlar o tempo, tentando manipular nossa vida, ter nas mãos aquilo que não nos pertence: o Tempo!

Vivemos momentos mágicos que podem ter durado segundos, mas que para nós, em nossa lembrança foram ( e são) eternos, vivenciamos namoros que duraram pouco, mas que pareciam infindáveis enquanto aconteciam… esperamos juntar “aquela” quantia de dinheiro, e parece que o tempo nos castiga por parecer distante demais…

Sonhamos, desejamos e esperamos que o tempo chegue para realizarmos… mas o mais lindo da vida é que o tempo depende da intensidade como vivenciamos cada momento… depende da beleza ou amargura de cada passo, de cada alegria e tristeza… e é assim que o tempo vai sendo armazenado em nosso coração… não na quantidade cronológica, mas no tempo kairos de cada “sentir”.

Todas as coisas acontecem no momento( tempo) em que devem acontecer… ( e sim , acredito muito nisso). Por vezes pensamos que não era tempo, em outras achamos que o tempo já passou… mas tudo que ocorre ocorre por algum motivo, no tempo em deve ocorrer.

Mas aí você pode me questionar o que é verdadeiramente o tempo?!

O tempo em minha opinião, é o PRESENTE que temos hoje… independe de idade, cronologia ou rugas… independe de nossa vontade, independe de querermos ou não que ele exista.

Presente é o mágico momento que une o passado e o futuro em um único instante… instante que estamos vivendo, o instante em que ocorrem os momentos e que terão a intensidade que nosso coração der.

Deixe o tempo do seu coração falar mais alto… verás a doce beleza de vivenciar a doce espera ou a doce lembrança de simplesmente VIVER!

O tempo

A vida é o dever que nós trouxemos para fazer em casa.
Quando se vê, já são seis horas!
Quando de vê, já é sexta-feira!
Quando se vê, já é natal…
Quando se vê, já terminou o ano…
Quando se vê perdemos o amor da nossa vida.
Quando se vê passaram 50 anos!
Agora é tarde demais para ser reprovado…
Se me fosse dado um dia, outra oportunidade, eu nem olhava o relógio.
Seguiria sempre em frente e iria jogando pelo caminho a casca dourada e inútil das horas…
Seguraria o amor que está a minha frente e diria que eu o amo…
E tem mais: não deixe de fazer algo de que gosta devido à falta de tempo.
Não deixe de ter pessoas ao seu lado por puro medo de ser feliz.
A única falta que terá será a desse tempo que, infelizmente, nunca mais voltará.

Mário Quintana

Anúncios

Um pensamento sobre “O tempo do coração…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s