Vivendo um dia de cada vez: os “mistérios” da gestação

Ando com o Humor alterado, hehe, será isso normal? Serão os hormônios da gravidez? Bom, não sei se é causada pela gravidez, acredito que sim, mas também existem alguns outros fatores que influenciam neste estado emocional alterado.

Desde que descobri a gravidez, tenho me cuidado o dobro do que já me cuidava… medições de glicemia freqüentes, alimentação bem mais saudável, exercício físico neste momento não estou fazendo por ordem médica, mas assim que completar 3 meses de gestação, posso iniciar a hidroginástica ( estou ansiosa por isso)… nisso tudo despendo tempo e energia emocional, que muitas vezes me cansa sim…

Noite retrasada tive que acordar 4 vezes durante a madrugada para medir a glicemia, comer, medir a glicemia, comer… meu corpo não tem reagido ( e isto é esperado) como ele reagia antes da gestação… tenho tido hipoglicemias freqüentes e sim, isso me assusta.

Muitos são os momentos em que lágrimas vem aos meus olhos quando penso que queria ser uma pessoa “comum”, sem doença crônica nenhuma, para poder levar a gestação mais tranquilamente e aproveitar mais este momento tão lindo e esperado de minha vida… pensei muito se eu deveria escrever isso aqui, porque tem gente que não entende ou que finge que tem que estar tudo as mil maravilhas… SER DIABÉTICA TIPO 1  E ESTAR GRÁVIDA ASSUSTA SIM…DÁ MEDO SIM… MAS NÃO É O FIM DO MUNDO!

Me entenda…não estou reclamando de estar grávida, até mesmo porque , quem me conhece sabe que sempre quis ter meus filhos , que sempre sonhei em ser mãe… só estou dizendo que existem DIAS em que é mais difícil ter todos os cuidados dobrados com tudo… que tem DIAS em que teu corpo parece simplesmente estar brincando com você… e que tem DIAS ( a maior parte deles) em que é uma delícia imaginar que um pequeno “ser” se desenvolve dentro de você… que apesar de estar dentro de você, já é único e especial e sim, já tem vontade própria (rsrsrsrsrsrs)…

Hoje acordei com uma barriguinha “estranha”, quando me olhei no espelho logo percebi que estava com um início do que será um barrigão… e fiquei imaginando a delícia de deixar o barrigão a mostra durante o verão… mas meu “sonho” foi cortado por uma hipoglicemia forte… e isso me relembrou que começava mais um dia de luta  com minha diabetes, de cuidados e mais cuidados…  uma delícia de sonho, misturado com os medos deste momento novo!

Tenho certeza de que tudo dará certo, mas isso não me impede de ficar com receio às vezes… e imagino, você que me lê e que tem o sonho de ser  mãe, mas sabe que será uma gravidez de alto risco, deve entender perfeitamente este meu momento de alegria e preocupação… você me entende?!

Sei que virão muitos post’s ainda com delícias maiores deste momento mágico… fotos da barriga, fotos do book de casamento, fotos do casamento ( porque o bebê faz parte deste lindo amor), e descobertas lindas desta barriga crescente e deste bebê se desenvolvendo…mas hoje permita-me partilhar deste medo, sem martírio… apenas vivendo um dia após o outro.

Segunda saberemos se está tudo certo com o bebê, e quem sabe já saibamos o sexo do nosso nipobaby!!!!! Passarei aqui para contar, claro, mas só depois das vovós ficarem sabendo 😉

Meninas diabéticas que me acompanham… que delícia receber a força e recado de vocês…estamos juntas, e com certeza, vou dando notícias deste DOCE MOMENTO que estamos vivendo e com certeza, vocês também viverão!

Beijos em todos da mamãe e do Bebê!!!!

ps. olha que linda!!!!! Ai, só de imaginar já começo a chorar!!! 🙂

Anúncios

3 pensamentos sobre “Vivendo um dia de cada vez: os “mistérios” da gestação

  1. Oi Elisa.. tbm quase chorei de ler o seu post, e imagino como deve estar se sentindo!
    Mas muita força, que Deus te ilumine e que seu filho(a) se desenvolva e nasça com muita saúde! Bjo

  2. “Gravidez de alto risco”… tô lendo o post atrasado, mas mexeu comigo. Tb tenho o sonho de ser mãe, mas no meu caso ainda tá mto distante e cheio de “SE”… mas SE acontecer de eu poder ter um bebê, tenho consciência que seria uma gravidez de alto risco tb, principalmente pq não teria estrutura e força física suficientes pra “segurar” o barrigão. Por td isso a razão me fez tomar uma decisão bem diferente: se um dia eu tiver as possibilidades de ter filhos e formar família, vou optar pela adoção. Logo, não terei esses momentos lindos de ver a barriga crescer, saber o sexo do bebê, comprar roupinhas de recé-nascido, e mesmo o momento do parto, do qual às vzs temos medo mas tb sabemos que é unico e mto especial. Enfim, tô escrevendo td isso só pra agradecer vcs por terem me escolhido pra uma “função” tão importante como a de madrinha, e pra dizer que será mto especial acompanhar de perto cada um dos momentos únicos e lindos que vcs viverão nos próximos 9 (ou melhor, agora já são praticamente 6) meses.
    Beijos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s